Tecla SAP


Por que o Carboidrato é o Rei da Performance no Endurance?



Matéria publicada no site www.trainingpeaks.com em 28 de fevereiro de 2017.

Why Carbohydrate is the King for Endurance Performance
By Ted Munson

Aperte o SAP! ;)

Por que o Carboidrato é o Rei da Performance no Endurance?

A nutrição adequada é muitas vezes o elo perdido entre o treinamento e os ganhos de desempenho. Existem muitas filosofias nutricionais por aí sobre o assunto, mas neste artigo vamos destacar os diferentes tipos de carboidratos e como eles funcionam para abastecer seu corpo durante diferentes intensidades de atividade.

A CIÊNCIA

Carboidratos fazem uma grande jornada antes de finalmente serem absorvidos na corrente sanguínea através do intestino delgado. Energia (glicose) pode ser armazenada no fígado e músculo (como glicogênio) para ser usado como energia durante o exercício. A ingestão de carboidratos durante o exercício fornece energia rápida aos músculos em atividade e prolonga sua capacidade de resistência. No entanto, os efeitos da energia que você recebe podem diferir drasticamente, dependendo do tipo de carboidrato que você consome.

FONTES DIFERENTES
Carboidratos vêm em uma variedade de formas. Açúcares, incluindo glicose, sacarose e frutose são todos carboidratos, que você pode ter ouvido falar. Embora contenham calorias semelhantes, eles são metabolizados de maneira diferente, afetando a produção de desempenho. A maltodextrina, uma forma alternativa de carboidrato, é decomposta em glicose, que é a base de vários suplementos energéticos.

Então, qual é a diferença entre fontes de carboidratos?

Frutose

  • É convertida em glicose no fígado antes de poder ser metabolizada
  • É oxidada a uma taxa muito menor durante o exercício
  • Pode causar problemas estomacais

Glicose

  • Fonte de energia rápida e prontamente disponível
  • Tem uma concentração maior em comparação com a maltodextrina e pode requerer água para ajudar na digestão em altas concentrações
  • Risco aumentado de desconforto gastrointestinal

Sacarose

  • Também conhecida como açúcar de mesa
  • Uma combinação química de glicose e frutose
  • Foi concebida para digerir rapidamente

Maltodextrina

  • Composta de cadeias de moléculas de glicose e tem um alto IG (índice glicêmico), o que significa que a energia estará disponível rapidamente
  • Oxidada rapidamente durante o exercício
  • Reduz o risco de desenvolver queixas estomacais durante o exercício prolongado

A fonte de carboidratos em muitos géis energéticos é especificamente a maltodextrina. O tamanho específico da molécula equilibra a quantidade de energia administrada versus a rapidez com que ela se esvazia do estômago. Isso significa que você sentirá os benefícios do desempenho de tomar um gel isotônico muito mais rapidamente do que quando consome um gel não isotônico e o risco de perturbar seu estômago é muito menor.

PODEMOS COMBINAR FONTES DE CARBOIDRATOS?
A taxa de digestão de bebidas contendo vários tipos de carboidratos é maior do que a de bebidas com uma única fonte de carboidratos. Isso significa que, por exemplo, bebidas contendo maltodextrina e frutose têm menor probabilidade de causar problemas estomacais e podem potencialmente fornecer mais energia para os músculos.

DEBATE: GORDURA x CARBOIDRATO
Há uma grande divisão quanto ao que deve melhor abastecer os atletas. Aqui está uma comparação:


COMBUSTÍVEL PARA O ESFORÇO PLANEJADO
Ao se “abastecer para o esforço planejado”, um atleta pode aumentar potencialmente a maneira como usa carboidratos e gorduras como fonte de combustível durante exercícios prolongados.

Algumas sessões podem ser realizadas sem carboidratos (isso pode até ser tomar o café da manhã depois e não antes do treinamento matinal), enquanto para sessões mais intensas e sessões de endurance muito longas, a ingestão de carboidratos é essencial para o desempenho.

Além disso, os atletas devem incluir sessões de “treinar como você compete” onde uma estratégia de nutrição de dia de prova é praticada. Isso pode ensinar os músculos a usarem tanto gordura quanto carboidratos como combustíveis. No entanto, sempre se assegure de que as sessões de treinamento mais intensas sejam abastecidas com carboidrato suficiente, para também treinar seu intestino para tolerar a alta ingestão de carboidratos no dia da prova.

Tradução feita pela Estagiária 449 Daniela Perna - 2º semestre/2018

--------------------------------------------------------

Entre 2011 e 2018 fomos Ponto de Estágio Curricular para os alunos do último semestre do Curso de Nutrição da Universidade de Brasília (UnB).

Por opção da 449 esse ciclo foi encerrado no 2º semestre de 2018.

O TECLA SAP foi uma Atividade de Estágio em que os estagiários traduziam uma reportagem sob a supervisão do nutricionista.

O objetivo era que os estagiários tivessem contato com assuntos em inglês da área de Nutrição Esportiva numa linguagem direcionada ao público em geral.

Realizamos essa Atividade durante 6 semestres (1º semestre de 2016 até o 2º semestre de 2018).









Clube449


Newsletter

Cadastre-se e receba e-mails com dicas e informações.

 
 

Contatos

(61) 3363-7449
(61) 98535-7449 (whatsapp)
clinica449 (skype)
contato@clinica449.com.br

CLSW 304 Bloco B Sala 103 - Sudoeste Brasília - DF | CEP: 70673-632

Busca

Encontre o que você precisa em todo o nosso site.